37 comentários Adicione o seu

  1. Cleber disse:

    Bom dia, a minha também chegou semana passada, demorou 35 dias, e o melhor que deu NEGATIVA, eu vou precisar fazer retificações nas certidões pois o sobrenome esta diferente, você sabe alguém aqui em São Paulo??

    Qual será o próximo passo??

    Boa sorte a todos

  2. Bárbara Ferreira disse:

    Oi Cleber!
    Pois é, estão enviando super rápido.
    Conheço uma empresa de São Paulo que faz todo esse processo de reconhecimento de cidadania. Acho que eles oferecem o serviço de retificação dos documentos, que é o que vc está procurando. http://www.dupla.cidadania.nom.br/

    Bom, nosso próximo passo será ir até o consulado no Rio verificar se todos os documentos que temos estão ok para depois traduzi-los para o italiano e daí dar entrada no processo. Resolvemos fazer isto aqui pelo Rio mesmo.
    Vc pretende ir para a Itália fazer o reconhecimento?

    Abraço,

  3. Rosana disse:

    Barbara, tudo bem? Penso que preciso da sua ajuda. Na verdade eu queria cidadania para meu filho e para mim. Quem nasceu na Itália foi meu avô, mais precisamente na Provincia de Cosenza na Calábria em 1898. Preciso saber se temos direito a cidadania. Porque depois dele tem minha mãe que nasceu 1939 no Brasil, eu e meu Filho. Caso a resposta seja sim. Como poderei conseguir a certidão de nascimento dele?

  4. Daniele disse:

    Olá, boa tarde!
    Encontrei este blog fazendo buscas pela net, e me interessei muito. Se possível, peço ajuda, pois estou iniciando as buscas pelos documentos para dar entrada na dupla cidadania, e estou totalmente perdida. Vocês que são mais experientes, poderiam me ajudar, orientando por onde devo começar e quais os prazos e como pedir as certidões? No momento estou procurando a certidão de nascimento e casamento de meu bisavô.
    Aguardo possível contato, e agradeço pela colaboração.
    Daniele

  5. Bárbara Ferreira disse:

    Olá Rosana
    Bem, pelo que sei, vc terá direito dependendo da sua data de nascimento.
    Devido à uma lei que entrou em vigor em 1° de janeiro de 1948. Apenas os filhos nascidos após tal data adquirem a cidadania da mãe italiana, ou seja, a mulher italiana pode ter nascido antes de 01/01/1948 mas o(a) filho(a) dela deverá ter nascido a partir de 01/01/1948 para ter direito a cidadania.
    Se vc tiver nascido após esta data basta escrever para todos os Comunes de Cosenza para descobrir em qual deles está o registro de nascimento do seu avô.
    Dá uma olhada neste post que vai te ajudar:
    http://diariodacidadaniaitaliana.wordpress.com/2007/09/28/3%C2%BA-passo-busca-de-certidoes-na-italia/

    Grande abraço

  6. Bárbara Ferreira disse:

    Oi Daniele, tudo bem?

    Neste blog vc irá encontrar todo o passo-a-passo sobre como proceder para reconhecer sua cidadania italiana. Venho registrando tudo que estou fazendo e pesquisando para a cidadania do meu marido desde abril de 2007.
    Sobre busca de certidão na Itália, veja este post:
    http://diariodacidadaniaitaliana.wordpress.com/2007/09/28/3%C2%BA-passo-busca-de-certidoes-na-italia/

    Se tiver alguma dúvida entre em contato, ok?
    Abraço

  7. Cleber disse:

    Boa tarde pessoal, o consulado de São Paulo começou a fazer agendamentos, o de Curitiba logo logo, estão com problemas técnicos. Em São Paulo o atendimento será somente em 2009. CORRAM e agende antes que fecham novamente. OBS: agendamento somente para pessoas que irão requerer a cidadania na Itália.

  8. Bárbara Ferreira disse:

    Valeu pela informação Cleber!!
    Bjs.

  9. Andrea Micucci disse:

    Bábara, olá. Como vc estou pesquisando sobre minhas origens, e sinto que muitas coisas, foram até tranquilas de serem encontradas, pois pessoas muito boas e com vontade de ajudar apareceram no caminho. Mas há duas coisas que tem se tornado difícieis de encontrar, uma é a certidão de casamento de meus avós, possuo as de nascimento e óbito, tenho quase certeza que se casaram aqui em São Carlos ou no distrito de Santa Eudóxia pertencente aquiem S. Carlos, mas como todos os meus tios e pai morreram não tenho a data certa, e outro documento não menos importante é a certidão de nascimento do meu bisavô que no óbito dele consta apenas a região: Basilicata. Gostaria que vc se pudesse me desse uma luz no final do túnel o que devo fazer ou por onde começar a pesquisar esses documentos que faltam. Desde já obrigada. Um abraço, Andréa Micucci

  10. Luiz Zuliani disse:

    Olá Bárbara.

    Primeiramente parabéns pelo blog, extremamente didático.

    Gostaria de saber se você tem conhecimento sobre a necessidade das certidões emitidas no Brasil serem de inteiro teor.

    Buscando informações na net, li em alguns lugares sobre essa necessidade.

    Grato.

    Ahhh, se possível passe seu email.

    Boa sorte

  11. Bárbara Ferreira disse:

    Olá Andréa, tudo bem?

    Tive dificuldades também em descobrir em qual cartório estava a certidão de casamento dos avós do meu marido. Os familiares não nos forneceram esta informação, aí tive que procurar por outro meio. Aqui na cidade do Rio existe a Central de certidões onde se pode fazer busca de certidão de casamento, eles buscam no período de 4 anos. Veja se existe algum serviço deste aí em São Carlos. Se não tiver, o jeito será que ir em todos os cartórios da região solicitar a busca. Leve pelo menos o ano aproximado de quando aconteceu o casamento.

    Para conseguir a certidão de nascimento na Itália veja este post:
    http://diariodacidadaniaitaliana.wordpress.com/?s=busca+nascimento )

    Eu contratei um serviço de busca de certidões que deu super certo:
    http://diariodacidadaniaitaliana.wordpress.com/2008/08/11/carta-da-italia/

    Boa sorte na sua pesquisa.
    Bjs.

  12. Bárbara Ferreira disse:

    Olá Luiz
    Que legal que gostou do blog. Obrigada pelo comentário postado.
    Bem, não sei ao certo se é necessário mas resolvi não arriscar, tirei todas as segundas vias das certidões em inteiro teor.
    Grande abraço,

  13. Cleber disse:

    Bom dia Barabra tudo bem?

    Ontem eu recebi a confirmação do meu agendamento no consulado de São Paulo, infelizmente a data foi para março de 2010, isso mesmo amigos 2010, parece fila de transplante de orgãos é INACEITÁVEL isso.
    E adianto que as certidões para o consulado em São Paulo tem que ser de Inteiro Teor.
    Existe alguma maneira de adiantear esta data para pelo menos 2009?

    Forte abraço a todos.

    Cleber

  14. Luiz Zuliani disse:

    Olá Barbara

    Como vc conseguiu falar com o Marcos?
    Ele não resaponde a nada, nem por email e nem no orkut.

    Será que ele não esta fazendo mais esse tipo de serviço?

  15. Bárbara Ferreira disse:

    Caramba, Cleber!! 2010!!
    Nossa, me parece inviável fazer o processo por aí. Acho que o jeito é fazer na Itália ou resolver morar em outra cidade onde o consulado seja mais eficiente.
    Bjs.

  16. Bárbara Ferreira disse:

    Oi Luiz
    Sei que ela acabou de casar. Talvez esteja em lua-de-mel.
    Ele às vezes costumava a demorar um pouco para responder porque viaja muito à trabalho, mas sempre me respondeu.
    Bjs.

  17. Sandra disse:

    Oi Barbara, tudo bem!
    Uma outra dúvida que tenho seria: após estar de posse de todos os documentos exigidos é que posso entrar com pedido junto ao consulado (o meu é o de Curitiba) para aguardar na fila ou não? Pois no Vice-Consulado disseram para eu preencher a ficha de requerimento para o reconhecimento da cidadania italiana e enviar, a fim de garantir a vaga para quando houver a chamada. Qual a diferença de Agendamento e Fila de Espera. E então começar as buscas pelos outros doc.
    Independente disso,para dar entrada ao pedido de cidadania para mim devo enviar a ficha preenchida, é isso? E quanto ao meu filho que tem somente 3 anos devo enviar algum doc. dele junto aos meus ou separadamente. Você saberia me informar como proceder nessa situação?
    Agradeço mais uma vez.
    Um grande abraço.
    Sandra

  18. Bárbara Ferreira disse:

    Parece que é isso mesmo, Sandra. No site do consulado do Rio eles dizem que para dar entrada no reconhecimento da cidadania basta enviar ou apresentar o pedido de requerimento preenchido e assinado, junto com a fotocópia do registro de nascimento do italiano, da sua carteira de identidade e de um comprovante de residência. Se pretende reconhecer a cidadania do seu filho junto com você acho que deve enviar também a certidão de nascimento dele e deixar claro esta intenção na ficha de requerimento. Existe esta opção na ficha de requerimento que está no site do consulado do Rio:

    FICHA DE REQUERIMENTO PARA O RECONHECIMENTO DA CIDADANIA ITALIANA
    Para as pessoas residentes na jurisdição do Consulado Geral da Itália no Rio de Janeiro:
    Estados de Bahia e Espirito Santo

    DADOS DO REQUERENTE
    Nome completo:
    Local (cidade e Estado) e data de nascimento:
    Endereço completo
    Tel.: (código de área e número)

    Número de pessoas que requerem a cidadania italiana com este pedido incluindo o Sr/Sra (contar somente os vivos e os menores de idade) :
    Alguém da sua família obteve o reconhecimento da cidadania italiana? ( ) Sim ( ) Não
    Se a resposta for positiva, indicar o nome deste parente:
    Seu grau de parentesco com essa pessoa:
    Consulado ou Comune onde a cidadania foi feito o processo:
    Se a resposta for negativa, anexar fotocópia do “Estratto dell’atto di nascita” ou o registro de nascimento da igreja do antepassado italiano e indicar o grau de parentesco do requerente com ele: (neto, bisneto, etc.)

    Rio de Janeiro,
    __________________________________
    (Assinatura)

    É a partir daí que vc entra na fila de espera que pelo que soube é gigantesca aí em Curitiba. Quando chegar a sua vez eles irão chama-la para que apresente todos os documentos traduzidos.
    Ainda não fiz esta parte do processo mas tenho quase certeza de que é assim que ocorre.
    Boa sorte pra vc!
    Bj.

  19. Simone disse:

    Gostaria de receber referencias do Marcos Lourenço Zuchini

  20. jean disse:

    ficou pior do que as filas no consulado de são paulo agora o agendamento já é para 2011 acreditem se quiser da para ficar louco só para agendar ter que esperar 2 anos, esqueçam o consulado de são paulo

  21. Alessandra disse:

    Olá Bárbara, conheci hoje o seu blog e gostei muito, vc está fazendo o que todos deveriamos fazer, partilhar as informações, isto é legal, ajuda a todos. Parabéns!!
    Eu também estou na fila do Consulado do Rio de Janeiro desde novembro de 2004…
    Como moro no interior do estado, não posso ir ao Consulado com a frequencia que gostaria. E, como eles não respondem aos e-mails e ao telefone, não recebemos praticamente nenhuma informação…
    Voce costuma ir ao consulado? Gostaria muito de saber qual é o numero de protocolo que está sendo chamado e principalmente como é feito este “chamado” para a apresentação dos documentos, será que é por carta?
    Obrigada e mais uma vez parabéns!

    Alessandra

    1. Bárbara Ferreira disse:

      Olá Alessandra!
      Fico feliz que tenha gostado do blog.
      Bem, terei que ir ao consulado em breve. Vou me informar sobre estas questões e depois post aqui, ok?
      Bjs.

  22. Saudações, Bárbara!

    Também faço estas loucuras deliciosas! Busco informações que muitas vezes não me foram passadas pelo meu nonno e nonna e me sinto uma desbravadora dos tempos.

    Tenho 24 anos, e desde menina pergunto sobre as nossas origens e aos 14 que comecei a ler sobre cidadania italiana e buscar informações sobre meus italianos.

    Eu gostaria de saber quanto o Marcos Zucchini lhe cobrou para buscar a certidão do antepassado italiano de seu esposo???

    meu e-mail:

    alinepetroni@yahoo.com.br

    Ficaria muito feliz de trocarmos idéias… sexta-feira passada (16/01/09) recebi minha certidão NEGATIVA de naturalização do meu bisnonno! Veio super rápido! enviei em 18 de dezembro de 2008 e recebi o documento 16 de janeiro 2009!

    Eu já enviei em dezembro/2008 cartas para o Archivio di Stato e para o Ufficio dello Stato da provincia e comune de meu bisnonno…vamos ver se eles vão demorar…

    abraço!

    Aline Petroni

  23. andre disse:

    oi barbara
    sou bisneto de italiano
    e tenho quase todos os documentos so me falta a certidão de nascimento e casamento do meu bisavo que esta na italia . ele morava em bergamo.
    tem como eu achar sozinho ou vou precisar contratar uma pessoa . e como faço se puder tratar eu mesmo disso . obrigado ahhh se se precisar de alguem vc pode me indicar ? e sabe qual é o valor ?

    1. Bárbara Ferreira disse:

      Olá, André
      Neste post (http://diariodacidadaniaitaliana.wordpress.com/2007/09/28/3%C2%BA-passo-busca-de-certidoes-na-italia/#comment-197) falo sobre como fazer busca de certidões na Itália.
      Acho que não precisará contratar ninguém já que sabe exatamente onde seu bisavô nasceu e casou. Mas, se precisar, pode contar com o Marcos. Gostei bastante do serviço dele.
      Bjs.

  24. andre disse:

    oi entrei e vi tem o modelo das cartas e tudo tenho que inverter os nomes e quando tem 3 tipo andre galindo neto como faço ? e naum achei o endereço que tenho que escrever se pudeer me ajudar ele nasceu em bergamo em 1883 . e tmb casou la so naum sei o ano se puder me passar o endereço eu agradeço e tmb alguns site ta em italiano e naum entendo nada rssrs abrços e obrigado

    1. Bárbara Ferreira disse:

      Andre, não tem problema de ser o mesmo nome. Preenche normalmente.
      Todos os contatos com o comune de Bergamo estão neste link: http://www.comune.bergamo.it/servizi/contatti/contatti_fase01.aspx
      Vc pode tentar por email (protocollo@comune.bg.it). Acho que é mais prático.

  25. andre disse:

    como so sei que ele é de bergamo tenho que escrever pra todas as comunes achei este site da uma olhadinha. ve se são essas as comunes se naum estou errado esta do lado direito da tela e por ordem alfabetica desculpa por querer tanta informação pois seu blog foi o primeiro que consegui ajuda .

    http://translate.google.pt/translate?hl=pt-PT&sl=it&u=http://www.enit.it/comuniris.asp%3FID%3D536%26Lang%3DIT&sa=X&oi=translate&resnum=15&ct=result&prev=/search%3Fq%3Dcomune%2Bbergamo%26hl%3Dpt-PT

    1. Bárbara Ferreira disse:

      É isso mesmo, Andre. Vc vai ter que escrever para todos os comunes da Província de Bergamo. São todos estes que estão no site.
      bjs.

  26. Rosaly Palma Torvnes disse:

    Oi Bárbara,

    Gostei muito so seu Blog! Eu estou no mesmo processo que você, para reconhecer a minha cidadania. Estou com quase tudo pronto, o próximo passo sendo a legalização dos documentos e traduções no Consulado da Italia no Rio de Janeiro (antes de partir pra Italia pra fazer o resto lá). Neste sentido, gostaria de te perguntar o seguinte: Você sabe se existe algum procedimento a seguir para o consulado nos atnder para essas legalizações? Eu soube que no Consulado de SP, por exemplo, tem que agendar um dia etc. Mas no consulado do Rio eu não sei como é feito e eles não dão informacão no telefone. Eu moro na Noruega no momento. Pedi pra meu irmão ir lá no consulado do Rio e ele não conseguiu falar com ninguém que o informasse especificamente sobre esse ponto. Acharam que ele queria dar entrada no processo de cidadania e na verdade, o que preciso apenas é que eles legalizem meus documentos. Você sabe algo sobre isso?

    Desde já obrigada!

    Um abraço!

    Rosaly

    1. Bárbara Ferreira disse:

      Oi Rosaly
      Não sei como é o procedimento para legalizar. Vc sabe que muitas vezes eles não atendem direito as pessoas. Sugiro que vc peça ao seu irmão para ir lá novamente com toda a documentação dizendo que precisa legalizar para que vc dê entrada no seu processo pela Itália. Acho que indo com tudo em mãos como se já fosse legalizar eles darão mais atenção ao caso e informarão o que é preciso fazer.

  27. Fabio disse:

    Parabéns pela sua iniciativa. Ótima idéia em compartilhar seus passos com outros interessados. Bem, você parou o processo nessa fase ou seguiu com ele? não teve mais posts…

    1. Bárbara Ferreira disse:

      Estou retomando o processo agora, Fabio. Ficou tudo parado mesmo mas agora sigo até o fim 🙂
      Obrigada

  28. Ana Lotufo disse:

    Me ajudem please… Depois de tudo feito..e documentos traduzidos com tradutor juramentado e tudo..A embaixada de Brasilia inventou mais uma …Agora pra legalizar os documentos precisa primeiramente da residencia na Italia ..aquela que vc vai faz a carta de presenca depois faz a resiencia e o vigili passa e diz que vc reside la…Como fazer isso?Eles nao querem ver se meus docuemntos estao certos se precisa de alguma retificacao ..ja pensou se eu for pra Italia e depois eles colocam impecilhos ??/O que fazer?Alguem poderia me orientar qto a isso???Obrigada responder por favor para meu email tambem…brlotufo@msn.com

    1. Bárbara Ferreira disse:

      Ana, pelo que sei a documentação tem que ser legalizada aqui para depois vc ir para a Itália e dar entrada no processo lá. Só se o procedimento mudou…

  29. Guilherme disse:

    Olá Bárbara, td bem?
    Entrei no site e gostei muito.
    Também estou atrás da documentação para o processo de cidadania.
    Gostaria de saber como fazer a pesquisa no arquivo nacional pela Assistência a Distância.
    E qual foi o modelo de carta que você enviou a comune e como conseguiu o e-mail da própria comune.

    Espero não estar pedindo demais.

    Obrigado,

    Guilherme

    1. Oi Guilherme
      Não sei como funciona o serviço à distancia do Arquivo Nacional. No site deles deve informar alguma coisa.
      Sobre os outros pontos que perguntou, você encontra todas as informações aqui mesmo no blog. Postei tudo, inclusive um modelo de carta que pode ser baixado.
      Boa sorte no seu processo.
      Abraço

Deixe uma resposta para Cleber Cancelar resposta