Assessoria para reconhecer a cidadania na Itália

O reconhecimento da cidadania italiana feito diretamente na Itália tem sido a opção de muitos brasileiros devido ao tempo de conclusão do procedimento ser infinitamente menor do que se for feito pelo consulado italiano no Brasil. Fazendo aqui pela Itália dura em média, 3 meses, enquanto no Brasil, anos.

Tal procedimento só pode ser feito na condição de o requerente ser residente na Itália e deve ser solicitado diretamente na prefeitura da cidade onde for firmada a residência.

Prestamos o serviço de assessoria aos descendentes de italianos que desejam reconhecer suas cidadanias aqui na Itália. Atendemos na província de Treviso, localizada na região do Veneto.

 

Província de Treviso – Veneto.

 

Nosso serviço de assessoria contempla:

  • Analisar a documentação necessária para o procedimento a fim de verificar se existem inconsistências nas informações registradas nas certidões brasileiras, comum em se tratando de dados do séculos XIX e início do século XX;
  • Orientar com relação aos preparativos da viagem e de  como proceder perante  às autoridades de imigração;
  • Recepcionar e hospedar os clientes durante a estadia na Itália;
  • Assessorar integralmente o cliente em todas as etapas do procedimento de reconhecimento da cidadania na Itália.

 

Para o reconhecimento da cidadania italiana é preciso reunir a documentação que comprove a ascendência. São as certidões de nascimento, casamento e óbito, do italiano até o requerente.

De posse de todas as certidões (brasileiras e italianas), o cliente nos envia os documentos para que possamos efetuar a análise da documentação.

 

ANÁLISE DA DOCUMENTAÇÃO

Para verificarmos se a documentação está dentro das exigências do procedimento e de acordo com as condições dos Comunes com os quais trabalhamos, efetuamos uma minuciosa análise dos dados contidos em todas as certidões.

Para garantir o bom andamento do procedimento na Itália, é fundamental que a documentação brasileira apresente informações que não deixem dúvidas sobre a comprovação da ascendência italiana do requerente.

Cabe lembrar que a imigração italiana no Brasil teve seu ápice entre os anos de 1875 a 1945. Muitos sobrenomes desses imigrantes italianos foram “aportuguesados”, ou seja,   adaptados para a fonética brasileira. Ocorreram também , traduções de nomes para o português: Giuseppe, virou José; Giovanni virou João…

E ainda, é extremamente comum  a apresentação  de datas incorretas, inconsistência de informações  e omissão de dados nos registros brasileiros.

O ponto de partida para a análise da documentação é a certidão de nascimento do antepassado italiano, documento fundamental para o procedimento, base para o preparo de toda a documentação. É baseado neste documento que os dados das certidões brasileiras devem ser retificados, caso seja necessário.

Para maiores informações sobre pesquisa e busca de certidões italianas, acesse aqui.

Como conclusão da análise, emitimos um detalhado parecer com todas as indicações sobre os dados que devem ser retificados ou acrescentados em cada registro brasileiro.

Durante nosso serviço de análise da documentação, levamos em consideração 4 pontos que nos servem de base para a identificação dos itens a serem retificados:

 

  • A Lei dos Registros Públicos no Brasil – fazemos todas as indicações de retificação em conformidade com a Lei.
  • A Lei de Reconhecimento da Cidadania Italiana Jure Sanguinis – levamos em consideração o que é exigido pela legislação italiana para evitar que a documentação seja questionada pelo oficial do Comune.
  • As exigências dos Comunes com os quais trabalhamos – cada Comune tem sua maneira de conduzir o procedimento de reconhecimento da cidadania, razão pela qual devemos considerar as exigências básicas legais e as particularidades de cada Comune aonde iremos direcionar nossos clientes.
  • O histórico da documentação – é preciso ter cautela e habilidade ao analisar cada caso. Registros civis mal feitos ou anteriormente retificados, por exemplo, requerem atenção, prática e conhecimento profissional ao serem analisados.

 

É fundamental que a documentação passe por nossa análise para que possamos prosseguir com a assessoria na Itália.

Na grande maioria dos casos é necessário retificar os documentos brasileiros antes de efetuar a tradução e apostilamento da documentação.

Após prosseguir com a retificação dos dados apontados, os documentos  deverão ser submetidos novamente  à nossa verificação para podermos prosseguir com o atendimento.

 

Prezamos em receber bem e assessorar corretamente nossos clientes, dentro da legalidade e do total cumprimento dos procedimentos necessários para concluir com êxito o processo de reconhecimento da cidadania italiana.

Nossos clientes chegam com tranquilidade, devidamente orientados com relação aos preparativos para a viagem e munidos com carta de hospitalidade, documento a ser apresentado à polícia de imigração no momento de entrada na União Européia, informando que será hospedado por nós.

 

 RECEPÇÃO E HOSPEDAGEM

Assim que chegam na Itália, nossos clientes são recepcionados no aeroporto de Veneza ou em estações de trem próximas ao local onde será hospedado.

São acomodados em residências totalmente equipadas, servidos com tudo que é necessário para se viver confortavelmente, incluindo serviço de internet e limpeza semanal.

As acomodações são em casa compartilhada com outros clientes, com regras muito bem estabelecidas para se manter a boa convivência entre todos.

Cada cliente possui uma vaga no nosso apartamento, que oferece as condições necessárias estabelecidas pelas leis italianas para garantir o direito de solicitação da inscrição anagráfica (residência) no imóvel.

 

Assessoria no processo de reconhecimento da cidadania

Assessoramos os clientes em todas as etapas do processo: no relacionamento com os órgãos públicos, providenciando o preenchimento dos formulários a serem apresentados, efetuando o pagamento de taxas e demais tarefas relacionadas ao processo de reconhecimento da cidadania.

A primeira fase do trabalho é registrar a residência do cliente na cidade onde daremos entrada no processo. Na Itália, todos os habitantes devem ser registrados no Comune por meio do “Registro Anagrafico”.

Após a inscrição, o cliente deve aguardar a confirmação da residência, feita por um oficial competente (vigile) que vai ao imóvel confirmar a efetiva presença do requerente no local.

O prazo legal para a conclusão do procedimento de residência é de até 45 dias (Art. 18-bis – D.P.R. 30 maggio 1989, n. 223). Até que o procedimento seja concluído, o cliente precisa permanecer no comune onde está hospedado.

Somente após a confirmação da residência é que efetivamente damos início a solicitação do reconhecimento da cidadania do requerente no Comune (Prefeitura). Neste momento, apresentamos a documentação para que seja analisada pelo oficial competente.

O oficial público prossegue com a solicitação da “dichiarazione di non rinuncia alla cittadinanza italiana” iniciando um tempo de espera à resposta por parte dos consulados brasileiros.

Chegada a resposta consular, o oficial do Comune inicia a finalização do processo que consiste em diversos procedimentos burocráticos de registro da documentação e cidadania.

Com tudo pronto, o oficial comunicará que os documentos pessoais do requerente (novo cidadão italiano) podem ser retirados no Comune.

 

É necessário que o cliente permaneça na cidade até que o procedimento de residência seja concluído.

O requerimento do processo de reconhecimento da cidadania italiana é feito após a conclusão da residência. Após este procedimento, inicia-se um tempo de espera até que o processo seja finalizado pelo Comune.

Durante este tempo de espera, o cliente pode passear, turistar etc. porém, tem que estar disponível para retornar imediatamente ao Comune caso o oficial o chame para algum tipo de procedimento, pois é importante que as autoridades italianas saibam que o cliente continua residente na cidade até a finalização do processo.

Na finalização do processo, quando o Consulado responde ao pedido de “non rinuncia” e o Comune conclui o processo, o cliente precisa comparecer no Comune para retirar seus documentos e solicitar sua carteira de identidade italiana (carta d’identità).

 

DOCUMENTOS ITALIANOS

Após o reconhecimento da cidadania italiana os clientes obterão os seguintes documentos:

  • Certidões italianas de nascimento e casamento (se for casado) e certidão de nascimento dos filhos menores de idade transcritas no Comune onde o processo foi realizado.
  • Carteira de identidade italiana (Carta d’Identità).
  • Passaporte italiano (Passaporto), caso o cliente opte em requisitar este documento na Itália (pode ser solicitado posteriormente no consulado italiano).

 

EQUIPE

Bárbara Ferreira
Genealogista e assessora residente em Bergamo – Itália, com mais de 10 anos de experiência em resgate de memória familiar. Assessora os clientes na primeira fase do serviço cuidando para que tudo seja providenciado antes de sua chegada na Itália.

 

 

Clarisse Czertok
Advogada e assessora residente em Treviso – Itália há mais de 12 anos, com extensa experiência em assuntos relacionados a se estabelecer, viver, trabalhar, estudar e abrir negócios na Itália. Assessora os clientes na segunda fase do serviço hospedando-os e assessorando-os durante toda a sua estadia na Itália.

 

 

Sylmara Osti 
Advogada especializada em Direito Civil e Direito Processual Civil residente em São Paulo – Brasil, com experiência em retificações de registros civis para a cidadania italiana. Auxilia os clientes no preparo da documentação: análise, retificação, tradução e apostilamento das certidões.

 

DEPOIMENTOS

Nada mais gratificante que receber depoimentos felizes dos nossos clientes. Abaixo, alguns deles como referência do nosso trabalho.

 

Não sou muito bom com palavras e acredito que não vou conseguir expressar toda minha gratidão e satisfação com esta equipe maravilhosa, todos os profissionais envolvidos são muito competentes, dedicados, prestativos e atenciosos me mostraram seu profissionalismo desde o primeiro contato, meu processo foi muito rápido e sem nenhum tipo de complicação mesmo meu Pai nascendo em outro território que hoje não faz mas parte da Itália, todos estão de parabéns e agradeço do fundo do coração por essa conquista alcançada. Parabéns a todos!!!
– Leandro Dragonetti

 

Deus colocou no nosso caminho os anjos(as) bravamente merecedoras Barbara, Sylmara e Clarisse para nos direcionar nessa nova jornada.
– Stella Paldino

 

Quero agradecer e ressaltar a competência e o profissionalismo da assessoria que me ajudou durante todo o processo: @barb_ferr , @sylmaraosti e @clarisse_czertok aonde não mediram esforços para que a conclusão do mesmo acontecesse tranquilo, rápido e principalmente dentro das leis exigidas aqui na Itália e Super indico seus trabalhos e também saio muito satisfeito com as profissionais envolvidas..Obrigado mesmo por tudo!
– Rafael Turrini

 

SOLICITE UM ORÇAMENTO

Envie agora mesmo informações sobre a sua ascendência italiana pelo email contato@diariodacidadaniaitaliana.com. Teremos o maior prazer em analisar o seu caso.